segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Arte Gótica

No post de hoje voltaremos 1.200 anos d.C., vamos conhecer a
ARTE GÓTICA!


Na postagem passada de história da Arte vimos a arte Bizantina na Idade Média, hoje continuaremos na Idade Média que vai do século V ao XV. É tempo pra chuchu!


Esta época na arte se divide em três estilos: Bizantino, Romano (que já vimos) e Gótico.

Então vamos começar!
As palavras-chave para definir a arte gótica são: ALTURA e LUZ.
O período gótico, é um período de inspiração e luz, sua arte não conheceu a Idade das TrevasA evolução do gótico é uma expansão de luzes e cores.


Basicamente a arte gótica mantém o mesmo tema da arte bizantina: RELIGIÃO. Porém o forte dos artistas góticos era a ARQUITETURA.

Neste caso, juntando o tema ao forte, temos as CATEDRAIS GÓTICAS!

Ficheiro:NotreDameDeParis-1.jpg
Notre Dame em Paris



















Extremamente elaboradas e com altura colossal, essas "Bíblias de pedra" eram uma ousadia arquitetônica. Os arquitetos competiam para ver quem construía astorres e colunas mais altas.

O que tornou tudo possível foi o desenvolvimento da engenharia, como as abóbadas com suportes externos, que permitiam que as paredes fossem mais finas e com janelas enormes, ao contrário do estilo romano e bizantino, com paredes grossas e janelicas de nada. Outra característica forte do estilo gótico são os arcos em forma de ogiva.









Abóbadas são estes tetos em forma arredondada com vincos que dão estrutura. 





Ogivas são os arcos com essa "pontinha" que dá impressão de altura.






Mas a arte gótica não foi só arquitetura não, Também mandavam bem nas estátuas, vitrais, pinturas e tapeçarias.






Ficheiro:ThreeFoolishVirginsMagdeburg.jpg













pintura gotica screen



pintura gotica art



pintura gotica feature







CURIOSIDADES!

Como já deu pra entender, as catedrais são o símbolo da arte gótica.
As catedrais simbolizavam o orgulho dos cidadãos medievais, um invasor colocar abaixo uma das torres da catedral era o pior insulto que uma cidade poderia sofrer.


devoção coletiva por essas catedrais era tão intensa que tudo quanto era classe social e raça da população ajudava a colocar a obra de pé. Todos mesmo! Não importava, eram cavaleiros, damas, açogueiros, cozinheiras, todos lado a lado trabalhando juntos, e colocando a mão na massa!




Embora toda a cidade trabalhasse unida, a complexidade dos edifícios não permitia que a construção levasse menos de um século. A Catedral de Colônia levou seis séculos!


Isso explica por que muitas catedrais parecem uma mistura de vários estilos, pois foram construídas em diferentes épocas e por diversas pessoas.







Catedral de Colônia Alemanha



Por isso que dizem "A união faz a arte!"...ou alguma coisa do tipo. :D


CATEDRAL DE NOTRE DAME
A mais famosa catedral gótica guarda histórias curiosas...


Ficheiro:Notre Dame de Paris.JPG



Todos vocês já devem ter visto ou ouvido a história do "Corcunda de Notre Dame", um pobre corcunda simpático, que se apaixona por uma linda cigana e que junto com um bravo soldado, conseguem se livrar do terrível vigario, e vivem "felizes para sempre" certo?

Bom, isso é o que a Disney quer que agente pense!


Pois bem, a história original de Victor Hugo passada na cidade de Paris do sec. XV...
conta sobre um orfão deformado, com apenas um olho e surdo por causa do barulho dos sinos, chamado Quasimodo, criado por um vigario mal caráterClaude Frollo, que faz o rapaz de sineiro da catedral.







Durante o Festival dos Tolos Quasimodo que é eleito o papa dos tolos, devido à sua feiúra, mas é acusado de sequestrar Esmeralda, uma bela cigana por quem Frollo é apaixonado.


O Corcunda é condenado a levar chibatadas publicamente, e é totalmente ignorado por seu protetor quando pede ajuda, mas Esmeralda comovida lhe dá aguá, e chama a atenção do pobre corcunda que se apaixona perdidamente por ela.







Febo, um jovem soldado por quem Esmeralda é apaixonada, é esfaqueado por Frollo que acusa a jovem cigana pelo crime. Esmeralda é então presa e condenada. No momento de sua execução pública, eis que surge Quasimodo, que a arrebata e leva para dentro da Catedral


Apesar de Quasimodo lutar com uma força sobrenatural Esmeralda é capturada e finalmente enforcada. Quando Quasimodo vê o vigario rindo da sorte da pobre moça, mata-o e se suicida.

Anos mais tarde os esqueletos de Esmeralda e do corcunda são encontrados abraçados.


Qual versão vocês preferem?





No próximo post...será hora de mudanças!
Vamos entrar de cabeça no RENASCIMENTO!

 Mona Lisa Gallery

















Até mais!



Fonte: Arte Comentada, Carol Strickland; Wikipédia.
Imagens: Reprodução

4 comentários:

  1. Sensacional artigo sobre arte gótica! Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Obrigada!O post sobre Renascimento já está no ar, de uma olhada!
    Até

    ResponderExcluir
  3. Ótimo o conteúdo, bárbaras as imagens! Vou recomendar aos meus alunos...

    ResponderExcluir